Prevenção e Recuperação no desporto

Prevenção e Recuperação no desporto

Actualmente, a actividade física – amadora ou profissional, vai conquistando cada vez mais adeptos. Importa assim realçar que, apesar de trazer muitos benefícios à saúde de quem a pratica, existe um risco acrescido de contrair uma lesão. Este artigo irá abordar temas como a prevenção e recuperação no desporto.

Cada modalidade desportiva tem o seu gesto técnico, estando por isso cada uma associada a lesões especificas, contudo, de um modo geral, as lesões mais comuns no meio desportivo são:

  • Entorses;
  • Contraturas;
  • Estiramentos;
  • Tendinites;
  • Lombalgias/Cervicalgias;
  • Rutura de ligamentos/musculares;
  • Contusões.

Estas lesões ocorrem devido a fatores intrínsecos (individuais) ou extrínsecos (relacionados com as condições de prática e com todo o processo de treino).

Como factores individuais, temos por exemplo, a fraqueza muscular, má flexibilidade, reduzida mobilidade articular, défice proprioceptivo, postura desadequada, pobre coordenação motora e inadequado aquecimento antes da prática desportiva.

Prevenção e Recuperação no desporto

Como podemos intervir na área desportiva?

A fisioterapia na área desportiva tem como principal objectivo intervir na prevenção de lesões. Para isso, é necessário identificar todos os riscos de lesão associados ao tipo de desporto que se pratica para, posteriormente, os minimizar. Após o tratamento de uma lesão, é igualmente necessário prevenir o risco de recidiva e complicações a médio e longo prazo.

Deste modo, existem diversas técnicas e métodos que podem ser utilizados nas diferentes fases de intervenção, como por exemplo:

  • A Tecarterapia,
  • O Pilates Clínico
  • A Reeducação Postural Global (RPG).

Tecarterapia

É tratamento não invasivo que recorre a uma corrente de alta frequência – diatermia – para potencializar a regeneração celular.

Através da sua corrente estimula naturalmente um aumento de temperatura na área em que está a ser aplicada, aumentando a circulação sanguínea, a oxigenação local e a produção de endorfinas que ajudam na diminuição da dor.

O uso da tecarterapia no desporto tem inúmeros benefícios podendo ser aplicada antes e depois da prática desportiva.

Antes da atividade física, esta corrente ajuda o sistema musculo-esqueletico a ficar mais predisposto para a realização de exercício, dado que aquece as estruturas musculares, articulares e ligamentares e as prepara para as exigências impostas pela modalidade.

No pós-treino a vantagem desta corrente reflete-se num maior relaxamento muscular, potencialização da flexibilidade e redução da fadiga pós-treino, absorvendo mais rapidamente o ácido láctico acumulado nos músculos durante a prática desportiva.

Pilates Clínico

É um método que integra um conjunto individualizado de exercícios direcionados para a prevenção e reabilitação de lesões.

Através do método, o aluno é ensinado a compreender como o seu corpo se comporta numa postura correta. Combinando vários exercícios de respiração, alongamento, alinhamento postural e fortalecimento muscular. São vários os seus benefícios, como por exemplo: a consciencialização corporal, a melhoria geral da postura, o aumento da força muscular, da flexibilidade, e acima de tudo, vai melhorar a coordenação e o equilíbrio.

Reeducação Postural Global (RPG)

Por último, o RPG é um método de avaliação, diagnóstico e tratamento global de patologias que afetam o sistema neuro-músculo-esquelético, corrigindo alterações posturais e aliviando os sintomas por elas causados.

O método baseia-se em movimentos de alongamento muscular onde o indivíduo participa ativamente na correção das suas alterações posturais estimulando a consciência corporal.

Concluindo, de forma isolada ou combinando estes três métodos, conseguimos aumentar a eficácia da prevenção, tratamento ou recidivas de lesões decorrentes da prática desportiva.

Se pratica desporto não hesite em procurar a ajuda de um fisioterapeuta.Torne a sua prática desportiva o mais benéfica possível na sua vida!